Dicas de Estudo

29 de jan de 2018
Foto: Tumblr

Ei! Tudo bem?
Chegaram os últimos dias de Janeiro, já está na hora da Cecilinha chorar e me despedir dos meus lindos dias de férias!

Estava pensando muito sobre 2018 esses dias, isso porque é meu último ano no ensino médio, o que em partes é muito feliz (para mim), mas muito triste, porque já estou me vendo estudando. Então pensei em formas de me organizar, já que um lado meu gosta muito de (não de estudar exatamente) aprender. Se vocês estão se perguntando se eu sou o ser humano chato que senta na primeira carteira e não fala nada durante a aula, posso dizer que sim. 

Mas eu nem sempre fui assim... Já fui uma negação (muito negação), porque eu sempre tive muita dificuldade nas matérias que eu não tinha muita afinidade. Então eu comecei a entender o motivo disso e procurar formas (me conhecendo) de reverter isso, e foi assim que eu fiz dicas para mim mesma e essas dicas vão ser compartilhadas para vocês! 



Eu fico muito feliz em mostrar um pouquinho do que eu faço para vocês, muita gente (que me conhece) me pergunta o que eu procuro ajeitar no meu dia-a-dia para estudar mais. Já respondo que não faço nada, eu não gosto nenhum pouco de me sentir obrigada a pegar a matéria para ler enquanto eu estou em casa e poderia estar lendo um livro, por exemplo. E, mesmo que seja clichê, eu estudo 100% na aula, faço exercícios, tento me concentrar o máximo no que está sendo passado, procuro ler mais coisas nas apostilas quando tenho tempo entre os intervalos das aulas, tudo para que eu chegue em casa e "não tenha nada". Mas, eu sei que isso não funciona com todo mundo, então prometo que vou tentar passar algumas dicas que vocês possam aderir e que não sejam tão óbvias. 

P.s.: 1. Essas dicas são coisas que eu faço comigo, me ajudam muito, mas talvez não te ajude tanto; 
2. Essas dicas são para serem aplicadas antes da prova, é para ajudar a organizar seus estudos para nada ser tão desesperador no dia anterior;
3. Se você tem dificuldade, estudar um dia antes da sua prova nunca será o aconselhado, mesmo que você use essas ou outras dicas de estudo. 

Decorar com frases sem sentido

Sabe uma coisa que eu odeio? Decorar. Não me pede para decorar alguma coisa se eu posso entender ela. Então eu faço de tudo para decorar o menos possível, até porque tudo o que eu decoro eu esqueço logo depois de "usar a decoreba". Maaas... Nem tudo é uma maravilha e nós temos Física e Matemática com suas fórmulas, e Biologia com toda a botânica que eu não gosto. Para essas exceções que me fazem tremer, eu tento uma coisa que pode soar muito engraçado para vocês.

Para quem não sabe, eu toco guitarra e violão, então eu crio músicas (não sou nenhum pouco compositora, eu crio músicas horríveis) com a fórmula ou com alguma frase, não sei... Eu faço a música se eu precisar decorar algo realmente terrível, já que eu sempre decorro facilmente as músicas.

Vocês se lembram de "SPDF" em Química? Distribuição eletrônica, Diagrama de Linus Pauling, essas coisas... Então, eu criei uma música e só para vocês terem uma noção do que eu estou falando, o nome era Sapatos Podem Dançar na França. Podem rir, sempre que eu penso nisso eu começo a gargalhar, mas posso dizer que lembro toda essa parte de Química por causa de uma música idiota.

"Cecília, mas eu não toco nada." Isso não é problema, você pode fazer um ritmo com a mão caso goste da ideia das músicas (mas nada de começar a bater na mesa na hora da prova hein!), pode fazer apenas frases, uma paródia de alguma música que está super na sua cabeça (pode até ser Despacito), enfim... As opções são várias, você deve escolher aquela que entre melhor na sua cabeça.

Entenda como você aprende melhor 

Eu comentei com vocês que essas dicas funcionam muito comigo, mas talvez não funcionasse com a maioria de vocês, isso tem um motivo que é comprovado pela ciência. Existem algumas formas de aprendizado: Visual (Memória Fotográfica), Auditivo (Gravadores), Cinestésicos (Toque).

É muito importante que você saiba em qual você se encaixa, isso vai facilitar muito na hora de estudar. Talvez você consiga aprender com mais de uma forma, eu, por exemplo, sou totalmente do time da memória fotográfica, mas o auditivo também me ajuda em alguns momentos. Se você está em um tempo desesperador em que você acha que nada funciona, primeiro se acalme; depois pense em coisas que você goste: Gosto de ler, talvez seja uma opção ler a matéria. Gosto de música, talvez criar uma música ou algo com melodia seria legal para você gravar. Gosto de assistir, talvez uma vídeo aula funcione. Independente disso tente se acalmar antes de entrar no momento desespero.

Visual

"Os alunos desse grupo conseguem memorizar matérias, nomes e dados com mais facilidade quando estimulam a visão. Slides, gráficos, diagramas, ilustrações e textos são os materiais mais adequados para revisar e estudar depois das aulas, sempre em ambientes tranquilos e silenciosos." Fonte: O GLOBO

Minha dica é prestar atenção na aula, anotar tudo o que você achar importante, resumir o assunto e sempre dar uma olhadinha para relembrar o que foi visto anteriormente.

Auditivo

"Estimular a audição não tem a ver, necessariamente, com estudar em ambientes barulhentos. Alunos auditivos precisam de silêncio e concentração para ouvir a explicação dos professores e repassar o conteúdo em voz alta, mais tarde, na hora de estudar." Fonte: O GLOBO

Minha dica é repetir o que foi estudado em voz alta, isso já me ajudou em alguns momentos, mas não costumo mais fazer isso. É legal se dar uma aula do que foi aprendido, assim você percebe que sabe a matéria (o que dá confiança) e ainda escuta sua própria voz explicando aquilo de uma maneira que você vai entender, talvez até melhor do que quando o professor fala. 

Cinestésicos

"Para estes alunos, não basta apenas ler ou ouvir as explicações do professor. Eles precisam entender o conteúdo na prática, com a mão na massa. Por isso, a dica é estar sempre em movimento, fazendo algumas pausas relaxantes durante os estudos. Isso porque os cinestésicos nem sempre aguentam passar tanto tempo parados, apenas resolvendo exercícios, sem qualquer ação." Fonte: O GLOBO

A dica é aula prática, mas eu sei que isso depende muito do professor e nem sempre eles conseguem fazer alguma atividade relacionada ao tema. Entretanto, na internet vocês podem achar várias experiências e uns passeios bem legais que vocês podem fazer quando não entende a matéria de forma clara, se você fizer uma experiência de Física (por exemplo), na época da prova você lembrará e isso te ajudará bastante, talvez você não vá precisar estudar igual um louco no dia anterior da avaliação.

Faça links

Esse tópico pode não ter um nome que faça muito sentido, mas eu garanto que funciona!

Toda vez que vocês estiverem estudando alguma coisa muito complicada, tente pensar em outra que se relacione e vai relacionando até chegar em uma palavra pequena. Isso me ajuda muito, principalmente quando eu preciso lembrar algum significado.

Fiz isso (demais) em 2017 quando estava estudando para Geografia. É uma matéria que tem muito conceito importante, então funcionou comigo ficar lembrando outras coisas (até mesmo engraçadas) para me lembrar de outra que faria realmente sentido.

Post-it 

Vamos falar sobre o amor da minha vida? Vamos sim!

Eu sou A louca do Post-it! Por isso precisava colocar essa dica aqui, e ela é bem simples: Use para qualquer coisa. Papel colorido que cola em qualquer lugar pode ser sim a solução dos seus problemas. Cola pela sua casa, cola na mesa, no canto do computador (tem 4 no meu nesse exato momento me avisando de resenha), na mão (fiz isso na aula de inglês no ano passado), enfim... Cole por onde você quiser, mas lembre-se de deixar em um lugar que você olhe bastante.

Escrevi para vocês que tenho post-it no meu computador falando sobre resenha, isso me ajuda muito a lembrar da ordem de leitura e a ordem de postagem, e fica em um lugar ótimo, pois é aonde escrevo, então vou olhar várias vezes.

O Post-it é muito legal, porque tem de vários tamanhos e em todos você consegue colocar palavras-chaves, que vão te ajudar a remeter ao assunto principal (o importante).

Então quando você chegar em casa e pensar que ficou com dificuldade em alguma matéria, tente revisar ela rapidinho e anote palavras-chaves no seu papel, quando você olhar, seu cérebro vai lembrar de boa parte do que aquilo significa, te ajudando bastante na hora de estudar para a prova.

Agenda 

Esse é o meu real motivo de ser tão organizada. Eu coloco boa parte das minhas tarefas em uma agenda semanal e tudo relacionado ao 365 Cores do Universo em um planner 2018 que é mensal e semanal. As duas coisas estão separadas, pois ano passado eu coloquei tudo em uma agenda só e me confundi toda, então decidi separar para ficar mais organizado e ter mais espaço para colocar minhas ideias e projetos para o blog.

Acho que seria uma tática muito legal se você conseguissem colocar as coisas à fazer em um dia no papel, não precisa ser exatamente em uma agenda ou botar hora para cada coisa, mas só de deixar em um papel ou deixar a vista, tudo fica mais claro e vocês poderão encontrar mais tempo para fazer mais do que obrigações. A partir do momento em que eu passei a anotar algumas coisinhas, passei há encontrar mais tempo em meu dia para estudar e fazer atividades para sair do dia-a-dia monótono.

Se você não quiser gastar dinheiro com isso, você pode usar uma folha de papel A4 ou usar o Trello, um site que eu sou apaixonada! Lá vocês conseguem colocar tudo em tópicos em uma página só, então fica tudo bem na sua frente e bem claro. Acho uma ótima opção, principalmente porque eles possuem um aplicativo (que também é excelente), então vocês podem andar por aí com uma agenda no próprio celular, fica mais fácil de atualizar.

Faça tudo o que você achar melhor 

Eu não sei como, mas tem muita gente que ama estudar escutando música, só não julgo porque só escrevo se estiver ouvindo alguma coisa (mas precisa ser em outra língua, pois vivo escrevendo letra de música no meio dos textos).

Então essa é minha dica, se sinta livre e faça o que você achar melhor. Eu, normalmente, quando já estou cansada de ler a matéria, vou ver uma série, vou caminhar ou escuto música no banho. É super relaxante e me ajuda a voltar a estudar com uma vontade maior, é como uma renovação.

Respire 

Não riem de mim, mas essa é uma dica que eu acho super importante: Se matar de estudar não adianta em nada (experiência própria). Seu cérebro precisa de um descanso, precisa de um tempo para respirar, então às vezes o que falta para você saber uma matéria complicada é sentar e respirar fundo, esvaziar a mente.

Em 2017 eu percebi que essa é uma solução muito útil, porque quanto mais eu berrava com a Física, menos a Física me queria. Então a gente passou a se aceitar, quando eu não aguentava mais ela, eu parava e voltava depois para continuar o assunto.

Escreva, digite, fale, faça aquilo que eu cérebro aceite

Esse tópico é quase um resumo de tudo o que eu escrevi para vocês hoje. Você precisa fazer aquilo que for melhor para você, mas nesse caso estou falando para entender a matéria. Escrever o que você aprendeu fazendo resumos é bem útil (adoro isso!). Tenho uma amiga que ama falar com o espelho aquilo que foi aprendido, enfim... Cada um tem seu jeito de aprendizado, então seria muito legal você procurar entender qual é a melhor forma para você.

O que eu aprendi hoje?

Essa é a dica mais fácil de todas, prometo para você, e é a que funciona totalmente para mim.

Toda vez que você sair do seu lugar de estudo (escola, faculdade, trabalho, etc) pense naquilo que você viu no dia e se pergunte "O que eu aprendi hoje?", faça um resumo mental de tudo o que você se lembra. Se você percebeu que não sabe responder essa pergunta, olhe suas anotações de aula e se pergunte novamente, assim que você encontrar a resposta, você terá a matéria bem memorizada na sua cabeça sem fazer grandes esforços.

"Pinta tudo" 

Minha última dica para você é a minha favorita e eu faço demais na aula: Pinte tudo!

Eu tenho vááárias canetas coloridas e faço meu caderno de arco-íris. Tem desde marca-texto até caneta colorida com ponta 0,4. Mas as cores possuem motivos, o que ajuda meu cérebro a memorizar a ordem do meu caderno. Por exemplo, para as fórmulas, eu uso marca-texto verde; para os exemplos eu uso caneta azul 0,4; para conceitos eu faço uma nuvem roxa; para as observações eu escrevo em rosa.

Acreditem se quiser, mas uma vez eu lembrei no meio da prova um conceito pela cor que estava escrito!


Infelizmente, acredito eu, que não sei mais dicas para vocês, mas posso atualizar essa postagem sempre que conseguir uma tática nova. Espero que o ano de estudos para vocês seja mais fácil depois dessas dicas. Fico muito feliz em compartilhar com vocês esses modos que me facilitam muito.

Que tenham um ótimo ano letivo! Um beijo e paz no coraçãozinho de vocês! ✩




4 comentários:

  1. Oie,

    Amei as dicas. Uso post-its também e tudo o que é possível para decorar algo difícil de entrar. Vou usar essas dicas na universidade. hahahah

    Abraços...

    submundosliterarios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Michael!

      Fico muito feliz em ler isso! Post-it é só felicidade haha Use sim e depois me conte se funcionou :) Obrigada pela visita.

      Beijos!

      Excluir
  2. Você praticamente me descreveu nesse post. Muitas dessas dicas eu já usava e aprendi muitas também ano passado. Em vez de ficar forçando e estudando até tarde da noite (física que o diga) comecei a deixar meio que pra lá, a relaxar mais. Esse também é meu último ano na escola e estou um pouco ansiosa, tenho que estudar pro vestibular e aprender muito ainda. Ameis eu post!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Bruna!

      Que loucura, somos gêmeas de táticas escolares haha
      Sério?! Estamos no mesmo time... Minhas aulas começam amanhã e já estou nervosa.
      Muito obrigada :)

      Beijos!

      Excluir