Como fazer um planejamento simples e como fazê-lo funcionar

5 de fev de 2018
Foto: Tumblr

Ei! Tudo bem?
Mais uma postagem para a sessão: Início de ano = Volta à rotina

Semana passada, por ser um dos últimos dias do mês de Janeiro, decidi que seria muito legal compartilhar algumas dicas de estudo para as pessoas que iriam voltar a estudar em Fevereiro, para as pessoas que querem começar a ter uma rotina de estudo e por aí vai. Gostei muito de mostrar para vocês o que eu faço e adorei saber que algumas pessoas se interessam pelas dicas, espero que vocês utilizem e se sintam melhores depois. Se você ainda não viu, é só clicar aqui e ser feliz!

Entretanto, sei que a postagem anterior não agregou a tantos grupos, afinal, muitas pessoas não estudam mais, estão voltando a trabalhar (se já não voltaram) ou não estão com tempo suficiente para tentar algo novo. E foi pensando nisso e nesse tempo tão curto que nós temos no dia-a-dia que eu decidi fazer no final de Janeiro (postagem de estudos) e início de Fevereiro (essa postagem aqui) postagens para vocês conseguirem ter um ano melhor.

Então hoje é dia de ajudar vocês a fazerem um planejamento, mas não só isso, mas a fazer esse planejamento durar o período que vocês quiserem. Sei que é muito relativo o que a pessoa está planejando, muitas pessoas querem guardar dinheiro, realizar uma viagem dos sonhos, vencer alguma dificuldade, voltar a estudar, ter mais tempo no dia para fazer algo relaxante, enfim... A lista é enorme e, por isso, tentarei ajudar vocês a encontrar o caminho certo.


Foto: Tumblr

Planejar algo é muito complexo, entendo completamente isso. Às vezes as coisas não vão sair como a gente quer e tudo vai parecer o fim do mundo, porque, afinal, planejar dá trabalho e ver todo o seu trabalho dando errado é algo ruim, certo?! E é por isso que a primeira coisa que vocês precisam ter em mente antes de ler minhas dicas é: A resposta para a pergunta é "Sim", mas deveria ser "Não". Nós (eu me incluo completamente nisso) precisamos aceitar que o trabalho pode ser perdido, mas também pode ser reerguido. 


Estou me sentindo até importante escrevendo isso, mas antes de começar, eu queria avisar que eu não tirei tudo isso da minha cabeça, realizei algumas pesquisas bem legais (posso mandar os links caso alguém se interesse) e conversei com algumas pessoas para ter uma ideia melhor do que poderia funcionar e o que não poderia, afinal, na teoria tudo é lindo. 

Enfim... "Como fazer um planejamento?" parece até uma pergunta digna de um prêmio na loteria, mas tudo é mais fácil quando a gente sabe o que quer planejar. Como escrevi anteriormente, cada um quer seguir uma "missão" e realizar alguma coisa, então não poderia adivinhar e planejar a vida de cada pessoa (isso não é papel para mim). Mas eu (Cecília Justen) quero planejar minha rotina para esse ano, principalmente a rotina do blog, então vou fazer esse planejamento com vocês, mas fiquem tranquilos, o que eu farei é possível fazer com qualquer realização que vocês queiram. 

Seu objetivo

1. O que eu quero planejar? No meu caso, essa pergunta é bem simples, eu quero planejar a rotina do blog para 2018. 

2. Em que passo estou para realizar isso? Eu tenho uma agenda e tento atualiza-la constantemente das atividades do blog. 

3. Como eu pretendo chegar até o final do meu planejamento? Fazendo metas. 

Sabendo seu objetivo, você poderá responder facilmente essas três perguntas. Eu sei que é muito estranho pensar em como você vai chegar no final de algo, até porque estamos falando do futuro, mas tente responder pensando em coisas que você gostaria de verdade, pois quando a gente quer realmente algo, tudo fica mais fácil. 

Entenda suas desvantagens 

Essa parte é até fácil para algumas pessoas, mas pensar em algo que você tem problemas é muito complexo para outras. Eu, por exemplo, tenho problema com o tempo (assim como muitas pessoas), então acabo me enrolando, pois me sinto sem tempo durante o dia.

Saber qual é o maior problema para realizar seu planejamento, é muito importante, pois aí nós chegamos a outro tópico: Como sobressair às vantagens. 

Sobressaia as vantagens 

A gente costuma pensar muito na pior parte, mesmo que a melhor tenha maior quantidade. Isso é um erro que eu cometo sempre (toda hora, todo segundo), mas estou tentando mudar isso. Essa parte, acredito eu, é muito mais psicológica e vai de cada um. A gente precisa achar a melhor parte para que a vontade de continuar algo ainda exista. 

Pensem comigo, se a gente quer algo, mas nós só procuramos o ruim daquilo, a nossa vontade diminui, certo?! Esse é o problema. 

Escreva suas metas 

Eu sou muito de visualização, gosto muito de agendas, post-it, marcações, planner, todas as coisas que possam me mostrar mais abertamente o que está acontecendo e o que eu estou fazendo. 

Comentei na postagem de Dicas de Estudo sobre o Trello, um site que você pode fazer suas anotações, dividir em tópicos, deixar tudo mais organizado. Eles têm um aplicativo, então é como andar com uma agenda no próprio celular. O Trello me lembra muito o Bullet Jornal, o planejamento lindo que a gente pode encontrar em qualquer lugar... Tumblr, Twitter, Facebook, Instagram, Pinterest, a lista é grande. 

Sei que o Bullet Jornal é muito complicado, pelo menos eu achei. Fiquei procurando deixar ele mais bonito do que simplesmente colocar minhas ideias nele, nessa de procurar a beleza, acabei deixando ele de lado, pois não conseguia deixar ele "bem Tumblr". Esse foi meu maior problema com ele, de resto, achei muito legal a ideia e tudo o que envolve. Colocar nossos pensamentos é muito importante e, por isso, escrever nossas metas também. 

Quando a gente faz um planejamento, nós queremos realizar algo e, para realizar, nós precisamos de metas. Essas metas podem ser de várias formas, mas o mais importante é encontrar uma forma de anota-las em algum lugar visível e sempre marcar as metas realizadas, pois ao olhar, você vai se sentir muito mais produtivo e vai crescer uma vontade de continuar. 

Monitore-se 

Eu costumo pensar que essa parte é tipo ser um "stalker", mas com você mesmo. Você precisa se stalkear, se monitorar, saber seus passos, pensar no que você está fazendo. Se lembrar a qual passo você está para realizar algo é muito legal, pois muitas pessoas se sentem mais motivadas a continuar sabendo o que está acontecendo. 

Se monitorar também é interessante para você saber agir caso algo não esteja funcionando. Se alguma tática sua está falhando, é legal observar qual é o problema e tentar arranjar outra forma de reverter. 

Observar seu planejamento nem sempre vai te deixar feliz, mas isso também é importante. 

Mude, caso seja necessário

O próximo tópico é o último, mas é quando a gente tenta fazer isso tudo funcionar. Antes de chegar nele, decidi botar uma coisa a mais, algo que eu não encontrei em nenhum site, mas eu percebi que é importante. 

Se você quiser acabar com tudo e mudar, faça isso. Ter um planejamento é muito legal e muito bonito também, mas ter um planejamento só funciona se você quiser. Se você sentir que aquilo já não é mais para você, não veja como um problema. Pare e relaxe, às vezes é só conflito e logo você voltará com seus esquemas, ou você realmente não se sente mais à vontade com aquilo, então a melhor solução é acabar. 

É muito engraçado escrever isso, mas é a realidade. Não se sintam presos nisso. 

Uma vez eu queria desistir de um planejamento meu (com relação ao blog, inclusive), mas comecei a pensar que seria como falhar, pois estava desistindo de algo importante e falhar não era uma coisa tão agradável. Esse é um grave problema, pois se você pensar como eu, talvez você nem queira mais tentar fazer um novo planejamento. 

Como fazê-lo funcionar

Isso é muito pretensioso da minha parte, eu sei, mas acredito que fazer funcionar é um pouco de cada coisa que eu escrevi para vocês. 

Não adianta eu dar mil dicas, sendo que não vai sair da teoria, você só vai fazer seu planejamento funcionar se for algo que você realmente queira. Aqui em casa isso funciona muito com viagem, quando a gente quer muito conhecer um lugar, os nossos planejamentos começam com juntar dinheiro, economizar, acabar com as contas desnecessárias, e por aí vai. Quando a gente vê, a viagem realmente aconteceu e, muitas vezes, não precisamos fazer um Bullet Jornal (por exemplo). Isso porque o que a gente queria era realmente grande e isso nos ajudou a continuar. 

Nem sempre as coisas vão acontecer rapidamente, podem demorar anos, mas planejando direitinho é muito possível. Por isso que funcionar vai depender do quão grande sua vontade é.



E falando em planejamento, o planejamento do blog está muito legal para 2018, estou realmente feliz com ele. No meio do ano, no final das férias, farei outras postagens parecidas com essas, relacionadas a organização, para tentarmos mais uma vez. 

Gostei muito de fazer essas duas postagens para vocês. Sou tão do time organização que é realmente interessante escrever sobre isso. Espero que de alguma forma tenha os ajudado. 

Um beijo e paz no coraçãozinho de vocês! ✩





6 comentários:

  1. Obrigada pela postagem!!! Foi bem motivacional pra mim. A gente se compromete com uma coisa, mas é sempre bom ter um lembrete! Realmente, abandonei o bullet journal antes mesmo de começar, não consigo nem fazer letra bonita às vezes, imagina um lettering elaborado... só nos sonhos (e no pinterest)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Thalita!

      Fico muito feliz em ler isso! Esse problema com o bullet deve ser uma coisa bem popular haha A gente quer ter o planejamento bonito, mas se na minha cabeça não é, imagina no papel :)

      Beijos!

      Excluir
  2. Oie,

    preciso muito montar planejamentos pro meu blog também. As metas do ano passado consegui cumprir em parte esse ano, porém ainda não fiz tudo o que queria.

    Abraços...

    submundosliterarios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Michael!

      As metas para o blog são muito legais, acho que dá uma motivação :)

      Beijos!

      Excluir
  3. Achei ótimas dicas, tb sou super visual, destaco tudo que é importante, diferencio cores e tal rsrs
    Dá certo quando vc leva a sério, algumas coisas ficam pra depois invariavelmente, mas me ajuda a não esquecer prioridades.

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós somos do time arco-íris então haha
      Sim, algumas coisas acabam saindo do caminho, mas é sempre bom ter um lembrete.

      Excluir